quarta-feira, 18 de julho de 2018

BOAS LEITURAS


“Nadir Afonso: o pintor de cidades geométricas”, de Raquel Ramos

A Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas de Ponte da Barca acaba de ver enriquecido o seu fundo documental com a mais recente obra de Raquel Ramos, intitulada “Nadir Afonso: o pintor de cidades geométricas”.
Direcionada para o público juvenil, trata-se de uma interessante biografia do arquiteto e grande mestre da pintura, que soube como ninguém explorar o jogo das cores e das formas geométricas, afirmando-se como um notável artista à frente do seu tempo, sempre empenhado na busca de um produto final harmonioso que fosse “um espetáculo de plenitude, de exatidão”.
O livro, que se apresenta como um belo artefacto, reproduz ainda algumas das pinturas mais emblemáticas deste artista plástico, um dos mais marcantes do nosso país no século XX.
Nadir Afonso nasceu em Chaves, em 1920, e iniciou a sua formação no Liceu local, cujo patrono é Fernão de Magalhães, o grande navegador com raízes em Ponte da Barca.
Estudou na Escola de Belas Artes, no Porto, e, depois, partiu para Paris, onde colaborou com Le Corbusier. Passou ainda pelo Brasil, onde trabalhou com Óscar Niemeyer, e, em 1980, regressou definitivamente a Portugal. Condecorado com a Ordem Militar de Sant’Iago da Espada, realizou dezenas de exposições, em Portugal e no estrangeiro, e publicou várias obras de reflexão sobre a Arte e o ato criativo. Faleceu em 2013.

“Diário de Ana Joana: 12 anos, 1,36 m de altura”
Para além da sua mais recente obra, Raquel Ramos teve ainda a amabilidade de oferecer à Biblioteca Escolar um conjunto de 10 exemplares do “Diário de Ana Joana: 12 anos, 1,36 m de altura”.
Reeditado pela Coolbooks, o diário partilha com os leitores a vida de uma adolescente que deseja ser política e que tem como lema de vida “Eu consigo!”.
Este é o 1.º volume de uma série de quatro que vão transformar a Ana Joana numa amiga inseparável. A publicação do próximo volume está para breve.
Raquel Ramos é professora de Inglês e Alemão e, desde 2007, colabora com a RBE (Rede de Bibliotecas Escolares). É autora de vários livros infantojuvenis: “Episódios da vida de um jovem gato” (2014); “Segredos do jardim da casa grande de barras amarelas” (2015); Diário de Ana Joana: 12 anos, 1,36 m de altura (2015); “Nadir Afonso: o pintor de cidades geométricas” (2018).
Prof. Luís Arezes

segunda-feira, 18 de junho de 2018


Maratona da Leitura X
A Unidade de Apoio Especializado à Multideficiência (UAEM) acolheu, nos dias 5 e 6 de junho, a X edição da Maratona da Leitura.
Este evento, previsto no Plano Anual de Atividades, foi dinamizado pelas docentes de Educação Especial, em parceria com a Biblioteca Escolar, e teve como objetivo a promoção do livro e do gosto pela leitura, desenvolvendo a articulação entre os vários níveis de ensino. Teve ainda como propósito a promoção de um relacionamento positivo entre alunos com Necessidades Educativas Especiais e os restantes elementos da comunidade escolar, promovendo a inclusão. 
Nos dias em que decorreu a atividade, a Unidade foi um palco de convívio e de cultura, onde as turmas da Educação Pré-escolar e dos 1.º e 2.º Ciclos contaram histórias, cantaram, dançaram, dramatizaram, declamaram poesia de vários autores, incluindo o poeta barquense e patrono da Escola Básica Diogo Bernardes. Foi também evocado o escritor barquense Manuel Parada, através de excertos da sua obra literária.
Os alunos da UAEM acolheram os colegas com alegria, participaram em algumas atividades e presentearam-nos com momentos musicais.
O Grupo de Educação Especial e a Biblioteca Escolar agradecem a colaboração e o empenho demonstrado pelas educadoras e pelos docentes das várias turmas na participação nesta atividade, sendo de realçar mais uma vez a qualidade e a diversidade das apresentações realizadas pelos alunos, nesta nossa iniciativa, iniciada há dez anos.
Grupo de Educação Especial

quinta-feira, 14 de junho de 2018

SARAU POÉTICO

VIVA A POESIA!

A Poesia semeou encanto, reflexão e magia, no decorrer de um Sarau que encheu o átrio do bloco C da Escola Secundária de Ponte da Barca.
O ambiente era o ideal, tanto mais que o espaço acolhia como cenário de fundo uma exposição de réplicas de obras do Museu do Prado, em Madrid.
Ao longo de quase 90 minutos, alunos de todos os níveis de ensino, professores e encarregados de educação celebraram a Poesia, partilhando sentimentos e emoções, por intermédio da palavra dita, da palavra cantada e até através da dança.
Conforme salientaram a Vereadora da Educação e Cultura, Maria José Gonçalves, e o Diretor do Agrupamento, Carlos Louro, foi uma noite enriquecedora, pelo que os muitos participantes deram o seu tempo por bem empregue.

E, mais uma vez, ficou evidente a força que pode resultar da conjugação de esforços e da sintonia de objetivos entre a Escola, a Família e a Comunidade.
“Viva a Poesia” foi o lema do Sarau que, em última instância, procurou seguir as palavras de Goethe: "Todos os dias devíamos ouvir um pouco de música, ler uma boa poesia, ver um quadro bonito e, se possível, dizer algumas palavras sensatas".
Biblioteca Escolar

terça-feira, 12 de junho de 2018

SARAU DE POESIA

O átrio do bloco C da Escola Secundária de Ponte da Barca é o palco para um Sarau de Poesia que se realiza esta quarta-feira, às 21.30 horas.
A iniciativa mobiliza alunos de todos os níveis de ensino, professores e encarregados de educação, que, através da música e da palavra, se propõem celebrar a Poesia.
Como cenário de fundo, o Sarau terá uma exposição de réplicas de obras do Museu do Prado, em Madrid. Dir-se-ia que estarão reunidas todas as condições para, nas palavras de Goethe, se viver a experiência de um momento perfeito: "Todos os dias deveríamos ouvir um pouco de música, ler uma boa poesia, ver um quadro bonito e, se possível, dizer algumas palavras sensatas".
Biblioteca Escolar

terça-feira, 29 de maio de 2018

LER É SABER + | 8.º F lança mãos à(s) obra(s)


“O Porto das Almas”, de Lars Kepler




Esta é uma obra de que gostamos muito.
O livro fala sobre Jasmin, uma mulher do exército sueco que foi colocada no Kosovo. Tem um filho, Dante, cujo pai é um colega de armas, um homem instável, que tenta afogar os horrores da guerra em álcool e drogas.
No Kosovo, Jasmim fica gravemente ferida. Entra num período em que se encontra entre a vida e a morte. Nessa altura, a sua alma parte para uma cidade portuária, “Um Porto das Almas”…
Para saberem o desenlace desta narrativa, leiam… Certamente, não se irão arrepender!
Carolina Silva e Afonso Lopes, 8.º F








“A Culpa é das Estrelas”, de Jonh Green e Rodrigo Corral



Trata-se de uma obra cuja leitura é emocionante do princípio ao fim… Confronta-nos com situações-limite e ensina-nos a aprender a lidar e a superar momentos difíceis. Implícita está sempre a mensagem de que não devemos desanimar e que o inesperado pode sempre acontecer. 
Aconselhamos a ler esta obra, que é muito superior à qualidade do filme.
Adriana, Joana, Daniel 
e Beatriz Macieira, 8.º F











“Vanessa vai à Luta”, de Luísa Costa Gomes
Esta narrativa mostra como a diferença de pontos de vista entre mãe e filha pode constituir um problema familiar.
Enquanto Vanessa queria ter uma metralhadora, a mãe recusava tal ideia e queria que ela escolhesse “coisas de meninas”.
Trata-se de uma narrativa de cunho tradicional, redutora relativamente ao papel da mulher e do homem.
Beatriz Carvalho, 8.º F

“Vanessa vai à luta" é um livro de que gostei imenso.
Recomendada pelo Plano Nacional de Leitura, esta obra tem como personagem principal Vanessa, que luta contra as diferenças entre rapazes e raparigas.
Ela gosta de brincar com brinquedos de rapaz, comportamento que a mãe não aprova.
Na minha opinião, é muito interessante ver como os pais, em particular a mãe, lida com esta situação e como Vanessa reage…
Ana Beatriz, 8.º F

“A lua de Joana”, de Maria Teresa Maia Gonzalez




As consequências que podem advir para os jovens que enveredam pelo mundo das drogas são bem explícitas nesta obra.
Por outro lado, o papel da amizade entre duas adolescentes é fortemente marcado em diversos capítulos. No entanto, o vício fala mais alto e ambas acabam por morrer, vítimas do consumo de vários tipos de drogas.
Este livro é um grito de alerta para todos nós que estamos a passar por uma fase da vida em que somos facilmente influenciados!
Érica, Juliana, Rubem Cerqueira 
e José Manuel, 8.º F






“Histórias da Terra e do Mar”, de Sophia de Mello Breyner
Já lemos várias obras desta escritora e gostamos muito.
“Histórias da terra e do Mar” é um dos nossos livros preferidos, quer pelas temáticas que abraça, quer pela forma simples como a autora transmite a mensagem.
 O conto “Saga”, em particular, mostra-nos como é importante que nós sigamos o caminho de que mais gostamos, independentemente das influências que sofremos…
Hans é um bom exemplo de um jovem que sai de casa em busca da sua felicidade, que só encontra junto do mar e na vida de marinheiro.
A mensagem final é que devemos lutar pelos nossos sonhos, pois só desta forma eles se podem tornar realidade.
Hélder, Filipe, Carolina Brito, 8.º F

terça-feira, 22 de maio de 2018

PRIORIDADES DA BIBLIOTECA ESCOLAR
Seis prioridades de ação da Biblioteca Escolar 
do Agrupamento de Escolas de Ponte da Barca 
para os próximos dois anos...

Biblioteca Escolar

sexta-feira, 18 de maio de 2018


Entrega dos prémios 
do Concurso de Leitura
Os alunos que conseguiram melhor desempenho no Concurso de Leitura receberam os respetivos prémios, no decorrer de uma sessão realizada no âmbito da programação da Feira do Livro do Município.
A sessão – que constituiu uma festa do livro e da leitura – contou com a presença dos galardoados e de vários familiares e ainda de Manuel Soares Alves, Subdiretor do Agrupamento de Escolas, e de Maria José Gonçalves, Vereadora da Educação e da Cultura da Câmara Municipal, entidade que patrocinou os prémios.
Nas suas intervenções, ambos enalteceram a colaboração existente entre a Autarquia e o Agrupamento e sublinharam a importância da leitura e o trabalho que está a ser desenvolvido nesta área, mobilizando, de uma forma articulada, professores, bibliotecas escolares e municipal e ainda as famílias.
Neste contexto, foi ainda aplaudido o excelente desempenho que o Agrupamento havia conseguido na véspera, em Vila Nova de Cerveira, na fase intermunicipal CIM Alto Minho da 12.ª edição do Concurso Nacional de Leitura, prestigiando o concelho de Ponte da Barca e o trabalho que aqui se leva a cabo, dia a dia.
Turma E da EPE da EB Diogo Bernardes
Turma C da EPE da EB Diogo Bernardes
Turma B da EPE da EB de Crasto
Turma A da EPE da EB de Entre Ambos-os-Rios
Pódio do 1.º Ciclo: Maria Rego, Paula da Silva e Sara Lopes
Pódio do 2.º Ciclo: Rodrigo Lobo, Inês Pereira e Lourenço Pena
Pódio do 3.º Ciclo: José Pedro Cerqueira (recebeu a mãe),
Maria Cerqueira (recebeu a mãe) e Guilherme Afonso 
Pódio do Secundário: Sara Arezes, Rúben Lima e Inês Costa
Eis a listagem global dos premiados:
CONCURSO DE LEITURA
Educação Pré-escolar
1.º lugar
ex aequo
Turma A da Escola Básica de Entre Ambos-os-Rios
Turma B da Escola Básica de Crasto
Turma C da Escola Básica Diogo Bernardes
Turma E da Escola Básica Diogo Bernardes
1.º Ciclo
1.º lugar
Maria Rodrigues Pereira Rego - 3.º A, EB Diogo Bernardes
2.º lugar
Paula Esteves Rodrigues da Silva - 3.º A, EB Diogo Bernardes
3.º lugar
Sara Sousa Lopes - 4.º A, EB Diogo Bernardes
2.º Ciclo
1.º lugar
Rodrigo Lobo - 6º C, EB Diogo Bernardes
2.º lugar
Inês Calheiros Pereira - 6º A, EB Diogo Bernardes
3.º lugar
Lourenço C. dos Santos Pena - 6º B, EB Diogo Bernardes
3.º Ciclo
1.º lugar
José Pedro Gomes Cerqueira - 7.º B, Escola Secundária
2.º lugar
Maria João Garcia Cerqueira - 8.º E, Escola Secundária
3.º lugar
Guilherme Fidalgo Afonso - 7.º D, Escola Secundária
Secundário
1.º lugar
Sara Raquel Araújo Arezes - 11.º B, Escola Secundária
2.º lugar
Rúben Beito Lima - 12.º B, Escola Secundária
3.º lugar
Inês Barbosa Costa - 11.º B, Escola Secundária

Parabéns a todos os premiados e a todos quantos participaram no Concurso de Leitura, porque, de facto, participar já é uma vitória…
Biblioteca Escolar